REDAÇÃO FLY BY NIGHT

Um maestro chamado Lee Burridge

Britânico desembarca no Brasil para 3 gigs, nesta semana

12/11/2017 | 19:16 - por Renan Silva
Um maestro chamado Lee Burridge

Sem dúvida, uma lenda da música eletrônica mundial está prestes a desembarcar, novamente, no Brasil. Denomina-se maestro o responsável por reger uma orquestra, guardando as devidas proporções, é exatamente o que o (quase) cinquentão Lee Burridge faz! Sorriso no rosto e muitas reboladas durante o set: ele realmente ama o que faz - segundo o próprio afirma: "É difícil não dançar quando uma música boa está tocando". Sempre à frente, sua capacidade de ler e conduzir a pista numa atmosfera imersiva, emotiva e hipnótica é sensacional.

I was just sent this great video from a few weeks ago at logoDGTL
São Paulo - SP
DGTL
festival in Amsterdam. I can't wait to come back to Holland in August

Publicado por Lee Burridge em Segunda, 1 de maio de 2017



Sua carreira de DJ começou em 26 de dezembro de 1984, comandando festas de casamentos e de aniversários. Seu repertório - até descobrir a house music, no final da década de 80 - era repleto de logoDepeche Mode
E-Music
Depeche Mode
, The Cure, logoNew Order
E-Music
New Order
e The Pet Shop Boys. O britânico se apaixonou pela dance music ao frequentar clubs e, em 1991, se mudou do Reino Unido para Hong Kong, onde ajudou a construir (até 1997), "uma cena underground louca", de acordo com as próprias palavras de Burridge.

Durante o período em Hong Kong, Lee também marcava presença constane em luais na Thailândia. Em 1997 retornou para o Reino Unido e, junto com Craig Richards e logoSasha
E-Music
Sasha
(inicialmente), formou o lendário Tyrant - que projetou sua carreira internacionalmente. A partir do projeto, lançou (com Craig) dois CDs, inclusive o primeiro CD fora nomeado como "álbum do ano", pelo gigante logoPete Tong
E-Music
Pete Tong
(fato que o levou a uma comemoração histórica que lhe rendeu uma bela de uma ressaca). Aliás, confira essa obra prima:


Tyrant fixou residência no icônico Fabric (em Londres) e no The Bomb (em Nottingham). Apesar de manifestar ser um exímio DJ e não ter o mesmo domínio na produção, Burridge também lançou quatro outros CDs, incluindo dois pela Global Underground e um pela Balance (a qual ele declara amar"). O "reconhecimento" veio em 2002, quando Lee conquistou a décima posição do top 100 DJ Mag e, em 2006, chegou a oitava colocação no RA Poll.

LEE BURRIDGE

Em junho de 2005 lançou o projeto 365 a qual ele define como "inacreditavelmente interessante e muito divertido". No 365, Lee passou em turnê por dois anos, onde ele ficava cerca dois meses em cada cidade para tocar em uma série de eventos - o que proporcionava uma compreensão maior do público e da cidade. Nessa época, Burridge reportava toda a experiência vivida em cada cidade, numa espécie de diário online, para a DJ Mag. O projeto passou por cidades como Ibiza, Florença, Buenos Aires, Sydney, Nova Iorque, São Francisco, Denver e Hong Kong. Ainda em 2005, lançou, com logoSander Kleinenberg
E-Music
Sander Kleinenberg
, o álbum "This Is Everybody! On Tour", pela Ultra Records.

All Day I Dream

E então, em 2011, da necessidade de criar seu próprio mundo e parar de "seguir o fluxo" - que lhe incomodava pela cena estar muito fria, faltando "emoção" -, Lee Burridge criou a All Day I Dream (nome inspirado de um mix feito, em 2008, para o Resident Advisor): um selo que faz das suas label parties uma experiência musical (com artistas que lançam pela gravadora) e visual (que, em locais incríveis - em meio a florestas, praias, desertos ou terraços - aposta em decorações sensacionais compostas por bambu, flores e objetos esotéricos).

Lee Burridge @ BPM Portugal 2017: All Day I Dream

All Day I Dream founder Lee Burridge LIVE from his showcase at Blanco Beach! Missed out this year? Sign up at thebpmfestival.com for exclusive updates about our next event!

Publicado por The BPM Festival em Sexta, 15 de setembro de 2017



Outro destaque na carreira de Lee Burridge é sua conexão com o lendário Burning Man. O fato de ser um amante de desertos (por ser selvagem, ter cores lindas e uma paz proporcionada pelo silêncio que toma conta), com certeza, influenciou bastante nessa relação do britânico com o festival - Burridge marca presença na programação do Robot Heart desde 2006!


Oportunidade única de ver um artista autêntico que, há mais de 30 anos, faz o que ama e prioriza a música acima de qualquer gênero! Na tour brasileira, destaque para a estreia no Rio Grande do Sul e pelas duas datas da All Day I Dream, no RJ e em Itajaí - na festa de 15 anos do Warung.

Confira a agenda:
14.11 - logoBeehive Club
Passo Fundo - RS
Beehive Club
. Compre seu ingresso.
15.11 - All Day I Dream Rio de Janeiro. Adquira seu ticket.
18.11 - All Day I Dream logoWarung Beach Club
Itajaí - SC
Warung Beach Club
15 anos. Ingressos a venda no site.

Voltar para redação